SEDUC - SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO


DESTAQUES

Reunião
17/08/2011 12:29:00
Representantes do Sintepp são recebidos na Seduc

A expectativa de receber até o pagamento do mês de outubro o acréscimo do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR), animou os representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado do Pará (Sintepp) que foram recebidos pelo Secretário de Estado de Educação, professor Cláudio Ribeiro, e seus secretários adjuntos de ensino, Acácio Centeno; logística escolar, José Croelhas; e de gestão, Waldecir Costa, na manhã desta quarta-feira, 17.

Além do PCCR, os professores trataram de outros assuntos como: informações sobre a nova grade curricular, recadastramento de servidores, eleição direta para diretores de escolas e piso salarial. Todas as dúvidas foram sanadas pelos secretários, que ouviram atentos a todas as reivindicações da categoria, assumindo o compromisso de dar andamento dentro de suas competências.

Ainda durante a reunião, o secretário abonou a falta ao trabalho de todos os professores da rede pública estadual que aderiram à paralisação, no dia 17, desde que estes se comprometam a repor o dia de aula, ficando a cargo de cada escola escolher a melhor data.

Em relação as mudanças na grade curricular, o secretário explicou que estas acontecerão sem prejuízos aos docentes que temiam perdas salariais e diminuição na carga horária. A alteração da grade curricular é baseada na resolução nº 191/2011 aprovada pelo Conselho Estadual de Educação (CEE) que deverá ser implementada até o final de 2011 no currículo do Ensino Médio.

A determinação, proposta inicialmente pelo Conselho Nacional de Educação (CNE) e que aguarda a sanção do Ministério da Educação (MEC), promove ajustes no currículo de alunos matriculados no Ensino Médio regular, do 1º ao 3° ano, assim como aos alunos matriculados na Educação de Jovens e Adultos (EJA) e no Sistema de Organização Modular de Ensino (Some) e são referentes a instituição da Lei nº 11.161, de 5 de agosto de 2005, da Presidência da República, que através da regulamentação do artigo 36, da Lei nº 9394/96, estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) que obriga as escolas públicas, a adotarem o Espanhol como língua estrangeira, facultando ao aluno o direito de cursá-la ou não.

O secretário adjunto de ensino, Acácio Centeno, explicou que caso não haja interesse dos alunos pelo Espanhol, a escola ofertará uma segunda disciplina. Atualmente, a língua inglesa faz parte da grade curricular do ensino fundamental, aplicada a partir da 5ª série, e do ensino médio de todas as 1.129 escolas estaduais. Porém, quem entrou no ensino médio em anos anteriores, poderá continuar com o idioma em curso, garantindo o princípio da terminalidade.

O recadastramento dos servidores foi prorrogado até o dia 30 de agosto e deve ser feito no site da Seduc (www.seduc.pa.gov.br). Caso o servidor faça alguma alteração em seus dados como número de documentos, endereço, etc, este deverá enviar uma cópia do documento em questão as USE's ou URE's, que encaminharão o mesmo à Seduc. Caso não haja nada a alterar, o servidor deve preencher o cadastro e concluí-lo sem problemas. A Seduc já contabilizou 61% de cadastros já finalizados.

A eleição direta para diretores de escolas será pauta de uma reunião agendada para o dia 24 entre a Seduc e a comissão de gestão democrática do Sintepp. Em relação ao piso salarial, o secretário informou ser totalmente favorável e que “aguarda o acórdão do Supremo Tribunal para verificar o que será feito”.

Texto: Fabianna Batista
Fotos: Alessandra Serrão
Seduc/Secom

Foto Destaque

Foto Destaque

Foto Destaque

Links
 
Downloads