Página inicial do Secretaria do Estado de Educação

Seduc promove debate sobre implementação da Educação Ambiental na educação básica

04/07/2024 09h53 - Autor: Bianca Rodrigues (Ascom Seduc) 297 visualizações
Foto: Seduc promove debate sobre implementação da Educação Ambiental na educação básica
Formação dos educadores que atuam com o novo componente curricular da educação pública - Foto: Rai Pontes / Ascom Seduc

Iniciativa do Governo do Pará, a Educação Ambiental na grade curricular do ensino público estadual, e por adesão no municipal, fortalece a temática da sustentabilidade no ambiente escolar

Com a finalidade de criar um espaço de diálogo sobre a disciplina Educação Ambiental, Sustentabilidade e Clima na educação básica, obrigatória na rede estadual, e por adesão nas redes municipais, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) promoveu um encontro, na tarde desta quarta-feira (3), com representantes da Instituição Porticus, vinculada ao Instituto iungo, e profissionais da Secretaria, para apresentar experiências na construção desse novo componente pedagógico.

“Estamos tendo a oportunidade de trabalhar o meio ambiente e a sustentabilidade, principalmente no eixo da educação. O Estado do Pará é bastante desafiador. Estamos trabalhando para toda a educação básica a temática, e o governo tem investido nisso. Tomamos a decisão de colocar o componente curricular Educação Ambiental como obrigatório para todas as etapas, sem abrir mão dos debates transversais. Estamos no primeiro, e já identificamos os desafios e aspectos para melhorar, mas também descobrindo riquezas, onde muitos professores e estudantes já aderiram e levantam essa bandeira. Para que possamos ter sucesso no desenvolvimento de políticas para o meio ambiente, a educação precisa estar no centro da discussão”, afirmou Rossieli Soares, secretário de Educação do Pará. 

No encontro foram debatidos os motivos que levaram o Pará a investir na Educação Ambiental; a recepção desta iniciativa na comunidade escolar e os resultados esperados nos próximos meses ou anos.

Foto: Rai Pontes / Ascom Seduc

“A Porticus está numa missão em Belém para também visitar vários parceiros e alianças que a gente faz parte e apoia, mas que também são esforços para construir um futuro mais digno, sobretudo para aqueles que mais precisam. Dessa reunião, com a Secretaria e parceiros, a gente sai com um compromisso, com a certeza de que a gente está fazendo algo bacana, sério e com impacto para a juventude paraense. E saímos com o compromisso de continuar nessa caminhada, que é tornar uma educação mais alegre, mais comprometida com um futuro. É pensar a partir da escola, mas conectar com essas conversas de meio ambiente, sustentabilidade, clima, e também comm um caminho de futuro”, disse Luis Felipe Serrao, gerente Sênior de Programas de Educação da Porticus.

Alunos cuidam de horta no ambiente escolar: educação como pilar de práticas sustentáveis - Foto: Rai Pontes / Ascom Seduc

Política pública - Criada pela Seduc há um ano, a Política de Educação para o Meio Ambiente, Sustentabilidade e Clima promove a preservação e a coexistência ambiental por meio da educação, principal agente de transformação social.

Em regime de colaboração, houve formação dos educadores que atuam com o novo componente e a construção dos materiais curriculares e pedagógicos para a implementação da disciplina na grade curricular. Até o momento, já foram entregues 433.016 materiais didáticos.