Página inicial do Secretaria do Estado de Educação

Projeto Conectando Arquivos mostra a estudantes a história de Curuçá

23/05/2023 08h58 - Autor: Juliana Amaral (SECULT) 487 visualizações
Foto: Projeto Conectando Arquivos mostra a estudantes a história de Curuçá
Estudantes foram à exposição conhecer mais sobre a história centenária do município - Foto: Lorena Saraiva / Ascom Secult

A programação promovida pela Secult levou peças do acervo do Arquivo Público à celebração pelos 128 anos de emancipação do município

Para comemorar os 128 anos de emancipação do município de Curuçá, no nordeste paraense, a Secretaria de Estado de Cultura (Secult), por meio do Arquivo Público do Estado do Pará (Apep), promoveu na cidade ações do Projeto Conectando Arquivos. A exposição “Curuçá nos Documentos do Arquivo Público” foi aberta as 09 h desta segunda-feira (22), no Centro Cultural e Histórico Palacete Barbosa de Lima. Alunos da Escola Estadual de Ensino Fundamental Maria Hyluisa Pinto Ferreira visitaram a exposição pela manhã.

"Eu tô achando o máximo! Gostei porque trouxeram vários materiais bem antigos de como era a nossa cidade. O que mais me chamou atenção foi a quantidade de materiais que conseguiram trazer, e espero que na próxima vez possam trazer coisas mais antigas", disse o estudante do 7º ano, Gabriel Andrade. À tarde, a mostra recebeu alunos da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Gonçalo Ferreira.

A programação continuou às 15h30, com a mesa-redonda “Aspectos da História de Curuçá”, com os professores Paulo Henrique Ferreira, Francisco Pimentel, Manoel da Cunha, Valéria Sales e Micaela Sousa.

A programação incluiu palestra ministrada pelo diretor do Arquivo Público - Foto: Lorena Saraiva / Ascom Secult

Memória - “A gente expor aqui mostra para as pessoas que a história tem uma memória, e através do arquivo elas podem relembrar e saber onde a história delas está, qual a importância do município no cenário estadual, e até nacional. É um momento de muito aprendizado. Não só aprender com as pessoas que estão aqui na mesa, mas relacionar as vivências que elas têm com esse lugar”, frisou a pesquisadora Micaela Sousa.

A programação foi encerrada com a palestra “A importância dos arquivos públicos na proteção do patrimônio histórico e da informação”, ministrada por Leonardo Torii, diretor do Arquivo Público.

"Curuçá recentemente completou aniversário de emancipação (em 14 de maio), e como o Arquivo sempre teve o desejo de chegar a essa parte da região do Salgado paraense, onde há uma ocupação portuguesa extremamente antiga e tem um acervo extraordinário dentro do Arquivo que fala sobre essa região, nada mais justo que trazer a exposição, ações educativas, palestras para essa região. A gente sabe que é muito difícil essas pessoas irem ao Arquivo. Então, é muito mais fácil o Arquivo chegar a essas pessoas”, disse Leonardo Torii.

O Projeto Conectando Arquivos foi iniciado em 2022, com o objetivo de promover a democratização do acesso a documentos históricos do acervo do Arquivo Público. O projeto já contemplou os municípios de Bragança (na Região de Integração Rio Caeté), Cametá e Barcarena (RI Tocantins), e Muaná (RI Marajó).


MAIS FOTOS