Página inicial do Secretaria do Estado de Educação

Clube leva ensino de Astronomia para estudantes de escola estadual em Inhangapi

17/05/2024 16h07 - Autor: Bianca Rodrigues (Ascom Seduc) 365 visualizações
Foto: Clube leva ensino de Astronomia para estudantes de escola estadual em Inhangapi
Foto: Divulgação

Projeto voltado para alunos do Ensino Médio organizou uma visita ao Planetário do Pará, em Belém

A Astronomia é um campo de conhecimento que desperta curiosidade e fascinação, principalmente nos estudantes, além de complementar outras ciências do currículo escolar. Pensando nisso, a Escola Estadual Agostinho Moraes de Oliveira, no município de Inhangapi, no nordeste do Pará, iniciou o Clube de Astronomia, voltado para estudantes do Ensino Médio da unidade.

O pontapé começou com a visita ao Centro de Ciências e Planetário do Pará, realizada na última quinta-feira (16), em Belém. Os visitantes tiveram a oportunidade de conhecer experimentos que dialogam com a Astronomia e estão relacionados com as áreas da Física, Química, Matemática e Biologia, bem como acompanharam as sessões interativas e projeções do céu de Belém. Ao todo, 47 estudantes estiveram presentes.

Foto: Divulgação

Paulo Vitor, da 2ª série do Ensino Médio, diagnosticado com Transtorno do Espectro Autista (TEA), foi um dos mais entusiasmados durante o passeio. “Eu achei muito interessante a viagem, porque não conhecia o Planetário. Aí fui conhecer outros planetas, estrelas e constelações. Para mim, é uma coisa nova e a influência do projeto no meu estudo vai ser boa para eu saber dos planetas, que pode um dia cair em alguma prova, e aí vou já saber”, conta o aluno. 

O objetivo do clube é criar uma atmosfera e um ambiente saudável para o ensino de ciências, bem como promover o pensamento científico e combater o negacionismo e o pensamento anti-científico. Durante os encontros, os professores irão trabalhar na perspectiva de observações tanto dentro quanto fora da escola, com atividades externas envolvendo a população da localidade.

“O que mais me impressionou foi o momento da nossa visita lá ao espaço da Química, onde foram apresentados dois experimentos. Eu achei muito interessante como eles reagem, já que essa área muito me interessa. Participar do projeto é motivador, porque se trata de coisas pouco vistas e que não são comentadas com frequência em nosso dia a dia, então isso torna o projeto interessante e de extrema importância para os alunos”, disse Carla Sofia, aluna da 2ª série do Ensino Médio. 

O projeto foi pensado com reuniões semanais, uma vez por semana, em turnos alternados. “A Astronomia dá sustentação a todo o pensamento científico das demais ciências. Não é possível pensar ciência sem ter como base o pensamento científico racional, planejado, sistematizado, como foi proposto pela Astronomia. Então, a Astronomia, no nosso projeto, não está pensada desarticulada das demais ciências, ela se articula com História, com Matemática, com a Física, com a Filosofia, com todas as ciências”, finaliza Marcelo Bezerra, coordenador pedagógico e responsável pelo Clube na unidade escolar.


MAIS FOTOS