Página inicial do Secretaria do Estado de Educação

Alunos da rede pública lançam livro na Feira Pan-Amazônica do Livro

16/09/2023 21h14 - Autor: Clayton Santos (Ascom Seduc) 267 visualizações
Foto: Alunos da rede pública lançam livro na Feira Pan-Amazônica do Livro
Alunos da rede pública lançam livro na Feira Pan-Amazônica do Livro

O incentivo ao hábito e o gosto pela leitura são elementos fundantes para se desdobrar em estímulo à produção autoral. Foi assim que alunos de oito escolas de Belém produziram a terceira edição do livro ‘Travessias Poéticas das juventudes em Terra Firme’. O lançamento ocorreu no estande da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), na 26º Feira do Livro e das Multivozes, neste sábado (16).

A programação iniciou com os autores lendo e destacando suas poesias para amigos, familiares e professores que estavam eufóricos no local. 

“Eu sempre me interessei pela área da leitura, eu sempre gostei de ler, e quando a minha professora de Português falou que deveríamos fazer um poema e participar da Feira do Livro, eu fiquei muito alegre, porque eu sempre tive vontade. A escrita sempre foi o meu foco e eu fiquei muito feliz, porque isso poderia me trazer várias oportunidades, inclusive de estar aqui, de ser bem reconhecido, já que o meu poema está no livro. Entre os temas que me foram ofertados, eu escolhi falar sobre a minha juventude. Agradeço a escola por estar me proporcionando momentos como esse, bem como o diretor, Luiz Paulo e a professora Camila, de Português”, disse Lucas Abreu, estudante da Escola Brigadeiro Fontenelle.  

As escolas envolvidas na iniciativa foram a Brigadeiro Fontenelle, Prof. Virgilio Libonati, Domingos Acatauassu Nunes, Moradores da Terra Firme, Augusto Olimpio, Mateus do Carmo, Mário Barbosa e Acácio Felício Sobral. As unidades fazem parte da Diretoria Regional de Ensino 05.

“A gente faz todo o processo de revisão, de trabalho que precisa ser feito, até esse resultado aqui, a todo o caminho que é percorrido. Esse aqui é o caminho final. Acreditamos que incentivar o protagonismo desses alunos diante da entrada da internet, porque as crianças estão muito voltadas só para os meios da internet, incentivar a leitura e a escrita é fundamental, e isso aqui é exemplo de que é possível sim”, disse o Jones Nogueira, dirigente da DRE 05.

O livro teve a sua primeira edição em 2019, e em 2022, foi lançado o segundo livro, sempre voltado para a ideia da diversidade de juventudes. Na terceira edição, aproximadamente 60 alunos fazem parte do livro. 

“O meu sentimento de ter participado da Feira do Livro é de gratidão, primeiramente a Deus e depois a vocês. Meus pais ficaram muito felizes e eu também. A partir de agora, vou me esforçar mais para que todos os anos eu consiga participar. E muito obrigada a todos”, finaliza Gabriel do Espírito Santo Miranda, estudante da Escola Mário Barbosa.